26 Julho
COMUNICADO

COMUNICADO

Eu como Vice-Presidente da AIPESP, quero esclarecer a todos os amigos da Velha Guarda, as mentiras colocada da Rede WhatsApp, pelo Senhor Jonas Vieira de Mello Filho que sequer pertence ao quadro associativo, o qual foi excluído por mau comportamento com seus pares.
Lembro que ninguém chuta cachorro morto e não pode se utilizar da Rede Internet para denegrir a imagem de ninguém , muito menos do Presidente Vanderlei Bailoni, que nos 20 anos administrando Entidade conseguiu tornar a AIPESP como a maior Entidade de policiais civis da América Latina.
Hoje a AIPESP possui um patrimônio de quase cem milhões de reais e com caixa em quase vinte milhões de reais.
Algumas conquistas, as principais, ao longo desse tempo. São as seguintes:

1 - Nível superior para escrivães e investigadores, LC 1067/2008;
2 – Porte de arma do aposentado;
3 – Desativação das cadeias instaladas em todas as Delegacias de Polícia, Operação Salva Vidas;
4 – Departamento jurídico com mais de 50 advogados, para capital, grande São Paulo e interior do Estado, incluindo o aposentado e o cônjuge em todas as áreas do direito;
5 – Colônia de férias em Peruíbe-SP e Campos do Jordão-SP, prédios próprios;
6 – Sub-sede própria em Bauru-SP e Sub-sede própria em Araçatuba-SP, que atendem dezenas de cidades daquelas regiões;
7 – Aquisição de imóvel contiguo a sub-sede de Araçatuba, com reforma já concluída de um hospital. AIPESP-SAÚDE que irá atender policiais civis de 47 cidades da região, a custo zero;
8 – Incorporação de 50% do ALE nos vencimentos dos policiais civis;
9 – Através de Mandado Junção interposto no Supremo Tribunal Federal, em 2008 a AIPESP conseguiu, aprovação do direito de greve, por unanimidade dos ministros;
10 – Pagamento da insalubridade, Lei nº 432/85, em 1992, em negociação com o então SSP. Pedro Franco de Campos conseguimos que o Governo efetuasse o pagamento aos policiais civis aquele benefício;
11 - Ação civil publica contra o poder público de dano EXISTENCIAL- Lei nº 7347/85, foi recepcionada pelo poder judiciário que no final da ação deverá indenizar todos os policiais civis pelos danos ocasionados, 2ª vara da Fazenda Pública processo nº 1015094-50.2016.26.0053; 
12 – Sede social própria – prédio de quatro andares na Av. Casper Libero, 535

UM ALERTA: 
Cuidado com opiniões sem credibilidade pois infelizmente a Internet também é usada por inescrupulosos que nunca realizaram NADA.
Esta relação e apenas uma parte de conquistas da AIPESP, pelo seu Presidente Vandelei Bailoni.

 

Últimas notícias

LUTAR SEMPRE, VENCER AS VEZES, DESISTIR JAMAIS!
04 de Julho de 2018

COMUNICADO AIPESP Nesta quarta-feira, 04/08, a...

10º ENCONTRO DA VELHA GUARDA DA POLICIA CIVIL DE SÃO PAULO
19 de Junho de 2018

No último sábado, 16/06, a "Associação dos...

AIPESP INGRESSA COM MEDIDA JUDICIAL
14 de Junho de 2018

ASSOCIAÇÃO DOS INVESTIGADORES DE POLICIA DO ESTADO...

MANIFESTO PÚBLICO
07 de Junho de 2018

UMA CLASSE PEDE JUSTIÇA! Quando em audiência...